Passar para o conteúdo principal

WeDo Technologies & CVWarehouse, uma ferramenta com foco no lado humano do recrutamento

A WeDO é uma empresa de software líder de mercado que opera num nicho de mercado. A empresa desenvolve ferramentas integradas para Revenue Assurance and Fraud Management. Ou, em linguagem humana: os clientes da WeDo não têm que se preocupar com a segurança das suas transacções financeiras. Conseguimos facilmente imaginar que a WeDo se sente perfeitamente confortável a lidar com um parceiro que também oferece soluções integradas – só que nós estamos no ramo de RH.

Entrevistamos Inês Pina, cujo título da sua posição (‘Head of People Culture’) tem já patente que a WeDo tem uma visão distinta de RH: “Não vemos as pessoas como recursos. Pessoas são pessoas, e isso, para nós, é o que mais importa.” Naturalmente, há muitos aspectos operacionais relacionados com RH, mas a tecnologia é cada vez mais um elemento disruptivo. “Várias plataformas, como a CVWarehouse, estão a fazer o nosso dia-a-dia mais fácil”, diz Inês. “Tanto o quanto possível, as tarefas operacionais estão a ser automatizadas. Assim podemos focar-nos no que é realmente importante: atrair e desenvolver talento e disseminar a nossa cultura.”

Recrutar continua a ser um desafio

“Temos cerca de 600 colaboradores, em 11 países espalhados por 5 continentes”, afirma Inês, “200 dos quais estão a trabalhar a tempo inteiro a desenvolver os nossos produtos. Adicionalmente, temos bastantes de outros perfis de IT, como Consultores de IT, que desenham soluções para os nossos clientes.” No total, 2/3 do capital humano da WeDo consistem de profissionais de IT: há muito pouca oferta destes perfis e são muito difíceis de conquistar. “Deparamo-nos com isso todos os dias”, explica Inês. “Mais ainda, temos que recrutar cerca de 100 pessoas todas os anos. O nosso principal desafio é o reconhecimento de marca: estamos a operar num pequeno nicho de mercado, e mesmo tendo 300 pessoas a trabalhar na nossa sede em Portugal, somos muito mais pequenos nos outros 11 países em que operamos e somos menos conhecidos.”

Uma abordagem concreta leva a maior reconhecimento, uma forte reputação e contratações de melhor qualidade. “Em localizações em que temos uma equipa local de RH, podemos desenvolver acções estratégicas”, diz Inês, “tendo, por exemplo, uma presença nas universidades e feiras da especialidade. Mas também desenhamos estratégias globais e de longo-prazo, em colaboração com o nosso departamento de marketing.” RH e Marketing são verdadeiros parceiros; os dois departamentos precisam mutuamente um do outro para estabelecer posicionamento, planear e executar as campanhas. Uma colaboração efectiva já levou a uma abordagem em que o marketing digital tem um papel fulcral, que atrai candidatos com blogs e casos-estudo.

O nosso pilar é uma cultura forte

“Somos um líder de mercado global, e temos muito orgulho nisso. Como empresa, fazemos o impossível para crescer e prosperar num contexto dinâmico cheio de desafios”, diz Inês. “Isso torna-se entusiasmante e oferece oportunidades fantásticas para desenvolver carreiras. A nossa cultura é o pilar subjacente que sustenta o nosso crescimento: transparência, colaboração, diversidade, colaboração e sobriedade são parte do nosso DNA. E podem ver isto no nosso dia-a-dia: uma organização horizontal, escritórios abertos e empreendedorismo. Ninguém tem medo de falar abertamente. Alias, exactamente o contrário: os nossos colaboradores estão sempre a trazer-nos novas ideias e sugestões. Porque, na WeDo, todas as pessoas podem fazer a diferença.”

A WeDo recruta internacionalmente. A empresa tem presenças em 12 países diferentes, do Brasil à Malásia. “Em cada país, temos diferentes procedimentos e legislações, o que se torna ainda mais desafiante. Mas as culturas também são substancialmente diferentes. Por exemplo, nos Estados Unidos, não podemos pedir a idade do candidato, sendo que na Europa, durante uma boa entrevista, não temos qualquer problema em falar de filhos e de relações.”

Suportar todo o processo

A única constante em recrutamento é o processo: “É muito simples: uma triagem basada no CV, uma entrevista telefónica para verbalizar os nossos interesses e motivação, e para verificar as competências essenciais, seguido de uma entrevista para aprofundar certos tópicos e para ver se há uma boa correspondência com a cultura da nossa empresa. Na fase final, propomos os candidatos às áreas de negócio, com os seus aspectos positivos e pontos que precisam de ser melhorados. Depois, os melhores candidatos são contratados.” A Inês vê o seu departamento de recrutamento como uma agência interna: “Uma ferramenta integrada e completa como a CVWarehouse é uma ferramenta que está em todos os passos, e a sua importância nunca poderá ser subestimada. Se propomos candidatos aos nossos clientes internos, sabemos que a informação que retiramos do sistema é a mais precisa e completa que podemos fornecer.”

Poderá a WeDo melhorar, ainda, o seu processo de recrutamento? “Essa é definitivamente a nossa intenção”, afirma Inês convictamente. “Podemos retirar muita informação valiosa da CVWarehouse e usa-la para fazer cada passo do processo mais rápido e melhor. O que precisamos é de dados objectivos, porque usar apenas o instinto não é muito fidedigno. Não é por não recrutares alguém durante duas semanas que não estás a fazer bem o teu trabalho. Adicionalmente, as estatísticas ajudam a substanciar os nossos esforços para com o resto da empresa. E isso torna o nosso departamento mais credível.”

 

A CVWarehouse está em constante evolução: seguem as tendências de mercado e procuram sempre formas de melhorar. Reparo que eles investem muito em inovação proactiva. E isso apenas pode ser bom para a nossa colaboração a longo-prazo.

Ines Pina Pereira
Head of People Culture @ WeDo Technologies [Sonae IM]

Menos tempo perdido = melhor reputação

“A CVWarehouse não é apenas extremamente user-friendly para nós e os nossos candidatos, como também é uma ferramenta que torna mais rápidas certas tarefas do nosso processo de recrutamento. Por exemplo, podemos enviar respostas automática quando o nosso processo chega a determinadas etapas. Torna a nossa vida mais fácil e mantém a nossa reputação. Porque, ao trabalhar rápido, conseguimos manter o tempo de espera dos candidatos tão curto quanto possível. Mais importante: não há um único candidato que não receba uma resposta nosso. Ao usar a CVWarehouse, garantimos que nada escapa pela rede.”

Os recrutadores da WeDo delegam as tarefas administrativas e repetitivas à plataforma CVWarehouse, e por isso têm um âmbito mais alargado para focar no lado humano do recrutamento: corresponder a pessoa certa à posição certa. “Graças à CVWarehouse, também aumentamos a nossa capacidade”, diz Inês. “Podemos gerir mais contratações, o que significa que não estamos permanentemente dependentes de agencias de recrutamento. Também significa que podemos reduzir os nossos custos.”

A Inovação é a melhor política de longo-prazo

A Inês pretende consolidar a parceria com a CVWarehouse: “A CVWarehouse está em constante evolução: seguem as tendências de mercado e procuram sempre formas de melhorar. Reparo que eles investem muito em inovação proactiva. E isso apenas pode ser bom para a nossa colaboração a longo-prazo.”

Para concluir, a Inês reforça uma mensagem importante: “Uma parceria forte começa com uma boa relação. E é exactamente isso o que temos com a CVWarehouse. As pessoas que estão por detrás da CVWarehouse são sempre extremamente amáveis e estão sempre disponíveis para nós. Eles realmente ouvem-nos com atenção e apresentam-nos soluções com valor.”